Central de Atendimento Tire todas suas dúvidas conosco!

Barbados

Publicado em: 01 / junho / 2016

  • Informações Úteis

  • Área: 431 km²
  • Capital: Bridgetown
  • População: 287.022 mil
  • Moeda: Dólar barbadense
  • Nacionalidade: Barbadiana
  • Localização: América Central
  • Fuso Horário: GMT-4

Sobre Barbados:

Assim como o restante das ilhas do Caribe, é conhecido por suas desertas praias de águas cristalinas e areias brancas. Ótimo para uma viagem em casal, mergulho ou surf. Com um povo muito orgulhoso de sua terra, Barbados tem de tudo um pouco. Resorts das principais redes hoteleiras até hotéis simples e aconchegantes. Esportes aquáticos a uma vida noturna bem agitada. Sua capital Bridgetown é Patrimônio Mundial da Unesco e prestigia os seus visitantes com um belo porto com jardins, restaurantes, lojas para compras, um local planejadamente feito para o turista.

A famosa onda de Soup Bowl está situada no lado leste da ilha, banhada pelo Oceano Atlântico. Neste lado da ilha o mar dificilmente fica flat e quando isso acontece, costuma ser entre julho e setembro, porém, é onde recebe a maior parte dos ventos terrais. Segundo os locais, rola onda durante todo o ano, ou seja, mais uma boa opção para quem busca novos destinos.

Sua língua oficial é o inglês e o dólar barbadense vale a metade do dólar americano. Com apenas 23 km de largura e 34 km de comprimento, pode-se dar a volta completa na ilha em poucas horas. Vai encontrar muito reggae, rum, baladas, praias paradisíacas, bons restaurantes, atrações diversas como passeios de catamarã, submarinos entre outros.

Um importantíssimo diferencial entre essa ilha caribenha das outras é o fato de estar totalmente fora da rota de furacões, que costuma ser entre setembro e outubro, portanto essa pode ser uma excelente escolha para suas férias, caso suas datas estejam dentro ou próximo desses meses.

Formada por corais, a ilha caribenha conta com mais de 60 praias públicas. As que estão localizadas na costa leste são banhadas pelo Oceano Atlântico, o que as tornam propícias para esportes aquáticos mais radicais. Do outro lado, banhadas pelo mar do Caribe, as praias ganham um tom paradisíaco com águas calmas e cristalinas.

 

Principais cidades:

Bridgetown:

Foi uma colônia britânica, sendo atualmente o maior centro comercial do país. No porto da cidade, há grande circulação de cruzeiros e feita a exportação de produtos como o rum, melaço e açúcar. Com praias de um azul que se confunde com o céu, impossível não se admirar com o que vai encontrar nessa capital.

Principais pontos turísticos da cidade:

 

Speightstown:

Localizada a 19 km ao norte de Bridgetown, a cidade é também conhecida como Little Bristol. Foi o maior centro comercial do país antes de Bridgetown e caminhando pelas principais ruas, ainda se encontraram vestígios da colonização. A cidade é charmosa e boêmia para seus dias de estada serem memoráveis.

Principais pontos turísticos da cidade:

 

Oistins:

Localizada na costa sul do país, a cidade presenteia seus visitantes com um mar azul turquesa que não sairá de seus pensamentos tão cedo. Há bares para aproveitar a culinária local que é baseada em frutos do bar e um pier para deslumbrar o pôr do sol. A cidade também é conhecida pelas sextas-feiras que são bem agitadas durante a noite.

 

Bathsheba:

Localizada na costa leste da ilha de Barbados, é uma pitoresca vila de pescadores e quando for, irá avistar a união do mar com as gigantes rochas de calcário.

Principais pontos turísticos da cidade:

 

Como chegar em Barbados:

Por ser uma ilha, é possível chegar ao país de avião e há várias empresas que realizam voos para o país.  O aeroporto Internacional Grantley Adams recebe companhias como a American Airlines, Latam, Copa, Caribbean Airlines e Delta.

 

A culinária local:

Por ser uma ilha, a variedade de frutos do mar em seus pratos é surpreendente. Será possível identificar na gastronomia de Barbados o sea eggs (empanada feita com ovas de ouriço marinho), o famoso peixe-voador, atum, dourada e muitas outras iguarias.

 

Geografia:

É uma ilha plana, tendo alguns pontos altos que estão localizados no centro. É banhada pelo mar do caribe pela esquerda e pelo oceano atlântico pela direita. Sua área é de apenas 431 km², mas para contemplação, o país é inigualável.

 

Religião: 

Cristianismo: protestantes, anglicanos, outras, sem religião.

 

Festas:

 

Ondas e picos:

O lado sul possui ondas para todos os níveis de surfe, entre dezembro até junho rolam ondas de 2-6 pés perfeitas.

Freyghts Bay – Esquerda bem extensa que quebra em ondulações de sul, ótimo lugar para iniciantes quando o swell está pequeno.

Brandons – Esquerdas e direitas que quebram com um inside bem tubular em ondulações de Sul e sudoeste que entram de dezembro a abril.

South Point – Pico muito constante que quebra com ondulação de sul sobre uma bancada de coral, as esquerdas longas e as direitas curtas e tubulares.

O lado oeste da ilha possui ondas para todos os níveis. É mais constante durante os meses de novembro a março.

Batts Rocks – Point break de esquerda rápida e tubular.

Mullins – Rápidas esquerdas e direitas tubulares.

Tropicana – Esquerda, quebra sobre fundo de coral, muito boa onda quando está funcionando.

O lado leste, região mais constante da ilha, a melhor época é entre julho até novembro e o vento é terral.

High Rock – Esquerdas e direitas que quebram de julho até novembro com ondulações de sul, sudeste e nordeste.

Parlos – Esquerdas e direitas que quebram de 3 – 20 pés e segura ondulações gigantes.

Soup Bowl – Onda mais conhecida do país, é muito constante e quebra com todas as direções de ondulações.

 

Curiosidades:

– O rum é uma bebida típica do país que iniciou a fabricação em 1703 e é a destilada mais antiga do mundo;

– Há um peixe chamado Flying fish que pode saltar uns 40 metros fora do mar e é um dos pratos típicos na região de Oistins nas sextas-feiras;

– A ilha foi “descoberta” por portugueses que estavam vindo em direção ao Brasil;

– Apenas o exército e as forças armadas de Barbados têm autorização para utilizar roupas camufladas. Se atente para não tomar uma multa quando estiver passeando pela região;

– Há uma fruta parecida com a maçã verde que conhecemos, mas tome cuidado! Essa fruta é chamada de manchineel ou beach apples. São totalmente venenosas e podem causar queimaduras;

– As mudas de cana-de-açúcar que hoje estão em Barbados, saíram do estado de Pernambuco e é um dos produtos mais cultivados no país.

 

 

Saiba mais

Barbados / Accra Beach / South Beach Hotel

Saiba mais

Barbados / Dover Beach / Ocean Two

Saiba mais

Barbados / Bridgetown / Hotel Coconut Court

Diga-nos Olá

Adorariamos ouvir você

Encontre-nos

Contate-nos

  • Av. do Cursino, 1828 – Sala 22 A – Jd. da Saúde – São Paulo/SP – Brasil – CEP 04132-001
  • Rua Padre Champagnat, 23 – 404 – Tijuca – Rio de Janeiro/RJ – Brasil – CEP 20511-080
  • (11) 3368 2203 / (21) 98890 0009
  • atendimento@travelsa.com.br
  • Segunda à Sexta das 09h às 18h
  • Sábado das 09h às 12h (Favor agendar horário)

COPYRIGHT © 2016 | Todos os direitos reservados Midia Marketing