Central de Atendimento Tire todas suas dúvidas conosco!

Matéria – Tailândia e Vietnam

Publicado em: 22 / abril / 2020

Oi pessoal, tudo bem? Luana da TRAVEL S/A aqui.

Recentemente fiz uma viagem para o Sudeste Asiático, mais especificamente, Vietnam e Tailândia, e gostaria de compartilhar com vocês a minha experiência, os lugares que visitei e tudo o que se precisa para fazer uma viagem para esses destinos. Sou uma amante assídua de destinos exóticos, de natureza e de bem estar e posso dizer que esses dois destinos atenderam e muito minhas expectativas nesses quesitos.

Vou listar abaixo os principais tópicos que devem ser considerados ao planejar uma viagem para o Sudeste Asiático:

TAILÂNDIA

Mesmo sendo considerada um destino exótico, a Tailândia possui toda infraestrutura necessária para receber turistas. Existem hotéis e atrativos para todos os gostos e bolsos. Vou apresentar o meu roteiro, que foi baseado nos itens que listei acima – natureza e bem estar – além de imersão com a cultura, história e pessoas. Adoro os lugares turísticos, porém eles acabam nos limitando no quesito “cultural”, por isso sempre busco mesclar lugares turísticos com destinos não convencionais. Os destinos não convencionais são aqueles que nos fazem abrir e mente e o coração, requerem mais coragem e compreensão para com uma cultura nova e completamente diferente da nossa.

Para as pessoas que também gostam de escapar do fluxo de turistas, segue uma dica básica, mas valiosa: É possível fazer um roteiro visitando os melhores atrativos do país, e mesmo assim optar por se hospedar num local diferente do convencional. Nós da TRAVEL S/A sempre buscamos apresentar uma experiência diferente, de acordo com cada perfil de consumidor. Porém não é preciso ir longe para ter uma experiência autêntica, basta se dispor a vive-la.

Um ponto positivo a se destacar ao viajar pela Tailândia é que o país é muito seguro. Embora existam casos de furtos, minha sugestão é se manter sempre atento as bolsas e ao dinheiro, porém em momento nenhum você se sente inseguro ao andar pelas ruas, independente do horário.

BANGKOK

A maioria das pessoas optam por conhecer Bangkok por ser o ponto de partida e de chegada, porém é uma cidade incrível e cheia de vida que merece ser visitada por pelo menos 2 dias durante a sua viagem. Desde caminhadas pela cidade e pela famosa Khao San Road até templos imensos cobertos por ouro, Bangkok oferece diversos atrativos diferentes e uma gastronomia de dar água na boca.

Sugestão de roteiro de 3 dias:

1° DIA: Visitar os grandiosos templos localizados na cidade como o Grand Palace, Wat Pho e Wat Arun. Em seguida, pela tarde, você poderá conhecer a famosa China Town e a Khao San Road, rua famosa de bares, restaurantes e aquelas comidas esquisitas que sempre vemos as pessoas provando.

2° DIA: Mercados locais e Mercado Flutuante.

3° DIA: Bate e volta para Ayutthaya. Uma cidade hoje formada por ruínas a céu aberto, os templos de Ayutthaya são belos e únicos. Juntando sua proximidade de Bangkok à importância histórica que possui, Ayutthaya é um dos pontos altos em uma visita ao país.

 CHIANG MAI

Chiang Mai é uma cidade no norte montanhoso da Tailândia. A cidade abriga centenas de templos budistas e ainda contém vestígios de muralhas e fossos que relembram a história dela como um centro cultural e religioso. Além de todo entretenimento da cidade, está próximo a Chiang Mai diversos atrativos e outros destinos famosos, como Chiang Rai, a cidade do famoso templo branco, parques nacionais e alguns dos mais famosos Santuário de Elefantes – locais onde vivem elefantes que foram resgatados de maus tratos de circos e de exploração turística animal.

Sugestão de roteiro 3 dias:

1° DIA: Separe o primeiro dia para visitação dos mais famosos templos de Chiang Mai, entre eles: Wat Lok Molee, Wat Pra Singh, Chedi Luang (Monk Chat), Wat Sri Suphan (Templo Prata – Fica iluminado aos sábados à noite) e Wat Suan Dok. Se ainda sobrar pique, visite o Night Market para provar algumas estranhasses da culinária tailandesa.

2° DIA: Elephant Jungle Sanctuary (6:30 até 13:30), Massagem com cegos (Northern Region School for the Blind), Wat Doi Suthep para ver o pôr do sol (cobrir joelhos e ombros), Luta de Muay Thai (Thaphae Boxing Stadium). Para aproveitar a noite, você poderá visitar o The North Gate Jazz Co-op, um bar de jazz com muita música boa e ótimos drinks.

3° DIA: BATE E VOLTA EM CHIANG RAI – Hot Spring, White Temple, Blue Temple e Tribo Long Neck.

PAI

Pai é uma cidade hippie localizada no norte da Tailândia, está a aproximadamente 2h30 de Chiang Mai. A única forma de se chegar lá, é através de uma estrada com muuuitas curvas. Há a possibilidade, para quem se interessar, em fazer esse trajeto de moto, mas a forma mais convencional é traslado privativo ou van, que parte em diversos horários todos os dias.

A cidade de Pai oferece um clima zen – diferente de outras cidades da Tailândia – com centros de meditação e yoga, culinária orgânica e saudável e algumas opções de atrativos na natureza, como cachoeiras, rios e montanhas. A cidade te convida a tirar uns dias para descansar e apreciar a simplicidade de um pôr do sol.

Sugestão de roteiro de 3 dias em Pai:

1° DIA: Aventure-se em tirar o dia a andar pela cidade. Além das milhares opções de restaurantes saudáveis, todos muito bem decorados com plantas que o convidam a entrar para curtir um clima ameno e agradável, a cidade possui diversos templos onde monges budistas promovem meditações diárias apertas ao público. Uma experiência incrível!

2° DIA: Comece o dia participando de uma aula de yoga em uma das diversas escolas existentes na cidade. Em seguida, você poderá visitar Big White Buddha, uma escultura gigante de Buda que está localizada a uns 30 minutinhos andando do centro. Ao chegar no local você deverá subir muitos lances de escada, porém o esforço será recompensado ao chegar. O Big White Buddha também funciona como Templo e é possível participar de uma meditação guiada pelos monges todo dia na hora do pôr do sol. Um lugar imperdível para os meditadores e yoga lovers!

3° DIA: Para esse dia, conecte-se com a natureza. Há cachoeiras próximas a cidade para serem visitadas, parques nacionais e rios. Finalize o dia apreciando o por do sol nos cânions de Pai.

KOH PHI PHI

Koh Phi phi é um arquipélago de águas cristalinas formado por 6 ilhas, a mais famosa e a única onde é possível se hospedar se chama Phi Phi Don. É possível chegar em à ilha através de ferry boat, partindo de Phuket e Krabi em um trajeto que dura aprox. 1h30.

É lá onde se encontra a famosa Maya Bay, que no momento permanece fechada a visitação para recuperação dos corais que foram perdidos em decorrência do turismo exacerbado.

Sugestão de roteiro de 3 dias:

1° DIA: Passeio de barco pelas ilhas e principais atrativos. Este passeio poderá ser feito de diversas formas, entre elas estão escunas que acomodam de 25 a 50 pessoas com almoço e bebidas incluídas, além de disponibilizarem snorkel para as paradas para mergulho. Outra opção é o Long Trail Boat, um barco de madeira que acomoda no máximo 6 pessoas, tornando-se um bom custo benefício para um serviço mais privativo.

2° DIA: A ilha possui uma das maiores barreiras de coral do mundo, sendo uma das melhores opções para mergulho. Caso seja de sua vontade, é possível fazer tanto snorkel quanto mergulho de cilindro com certificado internacional, que pode ser conquistado a partir de um curso feito na ilha.

3° DIA: Tire o dia para aproveitar Phi Phi. É possível fazer trilhas para diversas praias e para alguns view points espalhados pela ilha. Phi Phi Don também é famosa pelo entretenimento noturno, então é o lugar certo para quem busca conhecer pessoas, dançar e tomar bons drinks.

 KRABI

Krabi é uma região da Tailândia que possui belíssimas praias, tanto em sua própria costa quanto em ilhas próximas. Para se hospedar nessa região, existem algumas opções:

Railay Beach – Para quem gosta de tranquilidade com conforto, a praia possui diversas opções de hotéis e resorts e um pequeno vilarejo com uma vasta gama de restaurantes e bares.

Tonsai Beach – Localizada ao lado da praia de Railay Beach, essa opção é para quem gosta de fugir do fluxo intenso de turistas e para quem busca algo simples. Tonsai Beach é famosa por seus cliffs, onde escaladores do mundo inteiro se reúnem e passam o dia entretendo o público da praia ao escalar seus incríveis paredões. Essa praia tem um astral jovem e cativante e acaba sendo a escolha de hospedagem por mochileiros que buscam tranquilidade e novas amizades. Se você escolher se hospedar nessa praia você optará por viver uma experiência diferente, além do clima jovem e dos esportes radicais, o vilarejo de Tonsai Beach fica atrás de um muro que foi construído por uma rede de resorts que almejada um novo empreendimento no local. Eles só não contavam com um grandioso recuo do mar que acontece todas as tardes a partir das 14h, impossibilitando todos os turistas de banhar-se no mar, sendo para mim, o único ponto negativo de se hospedar nessa praia. Este muro, que carrega milhares frases de impacto e lindos grafites, tornou-se um ponto turístico para seus visitantes, que o assemelham ao muro de Berlim.

Ao Nang – Essa praia torna-se uma opção de hospedagem para quem opta por estar em um local estruturado e turístico, com um clima meio “americanizado”. As opções de restaurantes vão desde gastronomia tailandesa até redes famosas de fast foods. Essa opção de hospedagem é escolhida pela maioria dos asiáticos que viajam em grupos grandes e por famílias.

MELHOR ÉPOCA PARA VISITAR

A temporada seca na Tailândia vai de novembro a abril, sendo a melhor temporada para visitação. Apesar do calor, não terão dias de chuva que te impossibilitarão de conhecer as praias e os atrativos.

CUSTOS

O país, no geral, te oferece a possibilidade de não gastar muito. Paga-se barato para comer e beber, exceto se sua vontade for conhecer algum restaurante renomado e premiado, como em qualquer lugar, estes serão mais caros.

A média geral de gastos por refeição gira em torno de US$ 10,00 com bebida.

R$ 1,00 = 6,1272 BAHT (THB) – Moeda tailandesa

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA

Para viajar à Tailândia, você precisará ter um passaporte com validade mínima de 06 meses e o certificado internacional de vacinação de febre amarela em mãos. Não é exigido visto para brasileiros que pretendem ficar até 90 dias no país.

 

VIETNAM

O Vietnam é um país realmente exótico. Diferente de tudo que já vi, o país nos da a sensação de ter voltado no tempo ou de estar em um universo paralelo ao nosso. Muitos países da Ásia nos trazem essa sensação. Vivemos no mundo ocidental e muitas vezes somos leigos quando o assunto é o outro lado do mundo. Como eles vivem? Qual sua história?

Essas são questões das quais já deveríamos nos preocupar, mas elas costumam vir à tona quando temos a oportunidade de viajar pra lá e vivenciar de perto um pouco de sua história e seus costumes.

O Vietnam é um país de pessoas humildes e trabalhadoras, que aos poucos estão retomando suas tradições devido a triste história relacionada com a guerra. O estrago no país foi terrivelmente grande, milhares de pessoas inocentes morreram e perderam suas famílias, empregos e casas. Pouco tempo atrás eles mal recebiam turistas. O turismo tem se intensificado nos últimos anos e eles estão se readaptando para essa nova realidade, então diversos lugares ainda possuem uma infraestrutura bem básica e a maioria das pessoas mal falam inglês.

Apesar de todas as dificuldades, eles nos recebem muito bem e estão dispostos a nos ajudar no que for preciso para que tenhamos uma experiência positiva no país. E isso não é difícil, já que o Vietnam é abundante em natureza e cultura. E nós, desse lado, contribuímos de alguma forma, principalmente na economia do país, auxiliando na reintegração da população ao mercado de trabalho de serviços essenciais e turismo. Além de contribuir de forma significativa às pessoas que também desejam se abrir ao novo e descobrir um pouco do mundo ocidental. Vá com o coração aberto e espere por uma das melhores experiências de sua vida! 😊

HANOI

Hanoi, a capital do Vietnam, é uma cidade cheia de contrastes. Culturalmente influenciada pela China, França e outros países do Sudeste Asiático, a cidade possui uma atmosfera única mesclando um trânsito caótico (leia-se c a ó t i c o), com um belo lago localizado no centro da cidade.

Caminhar pela cidade já torna a experiência incrível. Mas muito cuidado ao atravessar a rua! Se aqui já reclamamos, vocês não imaginam lá. É praticamente impossível atravessar a rua tranquilamente ou sem levar pelo menos uma buzinada (pelo simples fato de estar tentando atravessar a rua), mas vale muito a pena.

Entre ruelinhas, lojas com um montão de bugigangas, restaurantes com culinária típica e templos, Hanoi fará você sentir na pele como é o dia a dia dos Vietnamitas. Conhecer o que a cidade tem a oferecer é parada obrigatória em uma viagem para o Vietnam. Vai fundo!

PHU QUOC

Phu Quoc é uma ilha localizada no sul do Vietnam, mais próxima a costa do Camboja do que do próprio Vietnam. Possui belíssimas praias e um parque nacional com uma natureza exuberante para serem visitados. Phu Quoc tem um clima tranquilo e hotéis que cabem em todos os bolsos – desde resorts 5 estrelas, até hostels e guesthouses. Perfeito para tirar uns dias para relaxar e apreciar o azul cristalino das águas.

HALONG BAY

Halong Bay tornou-se o destino mais famoso e visitado do Vietnam, já foi cenário de filmes famosos por sua beleza exuberante que mescla suas águas verde-esmeralda com milhares de ilhas de calcário cobertas por florestas tropicais. A região é super procurada para mergulho, escaladas e trilhas, principalmente no parque montanhoso de Cat Ba, a cidade base para conhecer as ilhas. Você também poderá optar por se hospedar em um barco, que faz um lindo trajeto pelos pontos mais bonitos do arquipélago.

NINH BINH

Ninh Ninh é uma cidade do interior do Vietnam localizada a 2 horas da capital Hanoi. Ninh Binh é surpreendente. Esqueça todas as expectativas que você tem, pois ao chegar, você se ficará impressionado com a beleza do local. Localizado entre uma cadeia montanhosa e alguns lagos, a cidade é comparada a famosa Halong Bay, porém com menos turistas e mais intimista.

Entre passeios de bicicleta, motos e barco com paisagens inesquecíveis, pode acreditar que essa cidade tem potencial para se tornar um de seus destinos favoritos desse globo.

MELHOR ÉPOCA PARA SE VISITAR

Como o Vietnam possui uma geografia comparada ao Chile de dimensão, há diversas estações diferentes acontecendo ao mesmo tempo no país. Enquanto no Norte há chuvas e frio, no Sul há calor e dias abertos. Por isso, é possível visitar o Vietnam em qualquer período do ano, basta saber escolher a região mais favorável a visitação a partir do clima, ou a partir de sua preferência.

CUSTOS

Viajar pelo país é barato. Tanto para se hospedar, quanto para passeios e alimentação. Tudo depende do perfil de cada pessoa.

A média de gastos por refeição vai de US$ 5,00 a US$ 10,00 com bebida.

R$ 1,00 = 4314,8 VND (Vietnamise Dong)

DOCUMENTAÇÃO NECESSÁRIA – VIETNAM

Além do passaporte e do certificado internacional de febre amarela, o Vietnam exige visto para os brasileiros.

É possível aplicar para o “Visto On Arrival” ou “E-Visa”. Para o visto On Arrival é necessário solicitar uma carta convite até 10 dias antes do embarque e preencher um cadastro básico de informações e levá-los ao aeroporto junto com 2 fotos (tamanho padrão de passaporte).

Para maiores informações, consulte-nos.

Luana Boregio – Consultora de viagens.

0 0 vote
Article Rating

Voltar a listagem de matérias

Subscribe
Notify of
guest
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments

Diga-nos Olá

Adorariamos ouvir você

Encontre-nos

Contate-nos

  • SÃO PAULO: Av. Paulista, 1765 – Conjunto 72 – Bela Vista
  • RIO DE JANEIRO: Rua General Roca, 916 – 603 - Tijuca.
  • (11) 97302-2203 / (21) 98890-0009
  • atendimento@travelsa.com.br
  • Segunda à Sexta das 09h às 18h
  • Sábado das 09h às 12h (Favor agendar horário)

COPYRIGHT © 2016 | Todos os direitos reservados Midia Marketing

0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x
Open chat
1
Olá! Precisa de ajuda? Mande sua mensagem agora mesmo!